Seguidores

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

O processo de alfabetização - Massinha de modelar

 Jogos e Brincadeiras
É de suma importância que a criança, ao iniciar o processo de alfabetização, tenha sido muito estimulada a trabalhar a coordenação motora, isso irá beneficiá-la muito na sua trajetória de vida. Esse estímulo torna mais fácil e significativa a alfabetização e torna a criança mais independente e evoluída.
          O processo de alfabetização começa muito antes do conhecimento das letras e palavras, ele começa nas atividades que envolvem movimentos de mãos e dedos.
          Inicialmente devemos oferecer às crianças os materiais secos, isto é, o giz de cera. Para as crianças menores da Educação Infantil oferecemos o “Meu 1º Giz”, ele é mais grosso e se acomoda bem nas mãozinhas pequenas.
           Quando elas já estão habituadas e dominam esse giz é hora de oferecer o “Giz Triangular” e, só depois disso, oferecemos os lápis pretos e coloridos e, finalmente, canetas.
          Quanto às tintas, a primeira é a pintura a dedo, onde o dedo faz a função do pincel, em seguida oferecemos o guache e, só depois, as demais tintas (acrílicas, texturas, etc).

 Nas atividades de recorte e colagem, primeiro os alunos rasgam com as mãos e utilizam colas secas (Cola Bastão), posteriormente recortam com tesouras e usam colas a base de água (Cola branca ou Cola transparente). Aos poucos vão ampliando esse universo colando macarrões, barbantes, grãos, bolinhas de papel, etc.
          Em relação às massinhas, não é diferente, a primeira massinha é aquela mais molinha (SOFT), que a criança “brinca” e, só depois, já no Ensino fundamental, é que a criança trabalha com as massinhas mais durinhas (MASSA DE MODELAR).

Massinha de modelar – Prazer e conhecimento
 
          Muitos professores, mantém em suas salas, prateleiras repletas de massinhas de modelar e, no final das aulas, dão às crianças com a função de “passar o tempo”. Elas servem para completar o horário do dia, isto é, o período que o aluno passa dentro da sala é de 4 horas, se foram cumpridas as atividades em 3 horas e meia, a última meia hora é de “recreação”.
É muito importante que o professor saiba da importância de se trabalhar com massinhas nessa faixa etária e mais ainda que seja mediador e estimulador para que haja aprendizagem nesse momento.
A brincadeira estimula a inteligência porque faz com que a criança use sua imaginação e desenvolva sua criatividade. Quando estão trabalhando com massinhas, se concentram, prestam muita atenção em tudo, ao mesmo tempo, desenvolvem a socialização e o espírito de companheirismo e cooperação.


Possibilidades de trabalho com massinhas
A – Ensinando as cores com massinhas
      As crianças começam a aprender as cores manuseando massinhas. Elas perceberão que, ao misturar uma cor com a outra ela estará clareando a cor, escurecendo ou mesmo criando uma cor nova.
       As atividades deverão ser propostas de acordo com a idade das crianças. O professor deverá ter em mente que na Ed. Infantil elas estão tendo seus primeiros contatos com os materiais expressivos, não possuem grande desenvolvimento de habilidades, portanto, os resultados nem sempre serão belos. O que importa é que cada um se expresse da melhor maneira possível que conseguir.

        Na Educação Infantil trabalhe as cores primárias (puras) e secundárias (misturadas).
        No início da Ed. Fundamental I trabalhe monocromia e policromia.
        A partir do 3º ano do Ensino Fundamental I, trabalhe cores quentesfriascontrastantes, etc.


1) Cores primárias  – Peças aos seus alunos que representem as cores primárias.
2) Cores secundárias – Fale aos seus alunos que duas cores primárias juntas, formarão uma nova cor (secundária). Peça que façam essa experiência.





3) Monocromia – É uma cor só e várias tonalidades. Peça à crianças que escolham uma cor. Dividam a porção em três partes. Deixe uma da cor original, na outra porção vá misturando massinha branca, na outra preta e, com elas montem uma composição plástica.

4) Policromia – É a utilização de todas as cores. Montar uma composição plástica utilizando massinhas de todas as cores.

5) Cores quentes – São todas as cores derivadas de amarelo, vermelho e laranja.
Montar uma composição plástica com as cores quentes.

6) Cores frias – São todas as cores derivadas de verde, azul e roxo.
Montar uma composição plástica utilizando as cores frias.

B – Ensinando pontos e linhas com massinhas
1) Pontos e linhas de massinhas – Fazer várias bolinhas com massinhas de várias cores e vários rolinhos – Criar algo com pontos e linhas de massinhas.

2) Linhas de massinhas – Fazer rolinhos de massinhas (linhas) e, com elas fazer um desenho ou escrever o próprio nome.


C – Bi e tridimensão com massinhas

1) Massinhas – Bidimensão – Representar um caminhão bidimensionalmente.

2) Massinhas – Tridimensão – Representar um caminhão tridimensionalmente

Obs: Poderá ser: casa, animal, carro, avião, prédio ou outros elementos, tudo vai depender do projeto que está sendo trabalhado com os alunos e, principalmente, a idade e habilidades que os alunos possuírem.

D – Obras de arte com massinhas

1) Obra de Arte – Inspire-se na obra de um pintor e a recrie com massinhas.
No exemplo abaixo foram retratadas as linhas, formas e core de Miró.

*** Sempre trabalhei diariamente com minha turma, com massa de modelar e posso dizer que o aprendizado é muito rico, pois explora demais a coordenação motora, a criatividade, a imaginação...enfim...é extremamente necessário que não falte nunca na sua sala de aula
Quando vi esta matéria no site da Acrilex, não pensei duas vezes em compartilhar, pois vivo esta matéria e sei como faz bem para as crianças em todos aspectos***


3 comentários:

Anônimo disse...

Eu simplismenten ameii !!

gabrielle disse...

eu adorei queria que ensinasen a fazer mais animais como girrafa

Pedagogia da Educação Básica disse...

Obrigada pela visita. Aos poucos vais pegando habilidade e construindo maravilhas.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...